Cadastre-se para receber atualizações por e-mail

x
x
O que fazer quando o seguro não cobre todas as possibilidades?

O que fazer quando o seguro não cobre todas as possibilidades?

O que fazer quando o seguro não cobre todas as possibilidades?
4 minutos para ler

O seguro de vida é um acordo firmado entre você e uma seguradora para garantir proteção financeira em caso de infelicidades. Por outro lado, diferente do que muitas pessoas pensam, esse contrato não serve apenas para indenizar familiares em caso de morte do contratante, podendo englobar diversas outras questões que dependem de empresa para empresa. Mas afinal, o que o seguro não cobre?

Com o passar do tempo, diferentes coberturas foram agregadas na apólice para serem usadas em vida, garantindo tranquilidade e segurança em caso de emergências específicas. Fora a cobertura de falecimento — a mais popular e tradicional — existem outras opções completas disponibilizadas ao público.

Por isso, é preciso estar preparado e saber quando o seguro não cobre determinada situação. Para ajudar você, separamos as principais informações do assunto neste post. Acompanhe!

Como escolher um seguro de vida adequado?

Existem vários benefícios ao contratar um seguro de vida, além da indenização em caso de falecimento do contratante. Por exemplo, a apólice também protege as pessoas próximas de você, as quais devem ser incluídas no momento de contratação, garantindo tranquilidade e maior bem-estar na hora de resolver pendências.

Porém, é fundamental entender os tipos de seguro de vida que existem e saber qual a melhor modalidade para você. Além disso, é essencial que você entenda suas necessidades e preocupações, para poder contratar as coberturas que correspondentes.

O seguro adequado é sempre aquele que atende às reais necessidades de proteção que você e sua família procuram. Desse modo, entre os principais pontos na hora da escolha, tenha em mente os seguintes:

  • tipos de coberturas oferecidas;
  • valor da mensalidade que se encaixe no seu orçamento;
  • simulação da melhor opção antes de contratar.

Como saber quando o seguro não cobre alguma situação?

A diferença no seguro de vida está nas coberturas escolhidas pelo contratante. A principal, e obrigatória, é em caso de morte (acidental ou natural). Além disso, é possível escolher várias outras garantias adicionais, como invalidez permanente (total ou parcial), diárias de incapacidade temporária (DIT) e doenças graves (DG).

É possível que o pagamento da indenização seja negado pela seguradora. No entanto, são vários os motivos que podem levar a essa falta de pagamento, como:

  • agravamento de risco;
  • atraso de parcelas;
  • ausência de legitimidade;
  • doença pré-existente;
  • não cobertura do risco em questão;
  • sinistro dentro do prazo de carência;
  • sonegação de informações verídicas.

Afinal, o que fazer quando o seguro não cobrir algum imprevisto?

Primeiro é preciso entender o porquê o seguro foi negado. Dentre todas, a maior parte das negativas acontece por conta de inadimplência, falta de cobertura e doença preexistente. Dessa forma, é preciso conhecer a causa para solucionar o problema.

Realizar um upgrade nas coberturas acionadas, ficar em dia com as parcelas e não esconder informações são os pontos principais que podem ajudar a evitar essa situação. Então, o ideal é sempre buscar um profissional qualificado para fazer a análise do caso e, após verificação, validar o possível recebimento da indenização.

Por isso, na hora de contratar um seguro é fundamental que você faça uma análise sobre as suas reais necessidades e quais coberturas se encaixam com o seu perfil. Acima de tudo, esse é o momento de ter muita atenção e escolher uma seguradora que garante tranquilidade, proteção e segurança, como a WinSocial.

Agora que você já sabe do assunto e conhece um pouquinho do que podemos oferecer, que tal curtir nossa página do Facebook e ficar por dentro de todos os nossos conteúdos? Tem muita coisa boa por lá!

Aproveite e faça uma simulação personalizada ao clicar no botão abaixo e garanta uma tranquilidade financeira para você e sua família.

Comentários

Você também pode gostar
-