Cadastre-se para receber atualizações por e-mail

x
x
O que é polaciúria? Confira aqui - Blog WinSocial

O que é polaciúria? Confira aqui

O que é polaciúria? Confira aqui
4 minutos para ler

Polaciúria, poliúria, disúria, nictúria… que tanto de “úria” é esse? Bem, estamos falando de termos que caracterizam algumas condições urinárias. A disúria, por exemplo, é a dor ao urinar. Já a nictúria é a micção frequente à noite. Mas, afinal, o que é polaciúria?

Antes de partirmos para as explicações, precisamos entender o caminho básico da urina. Os rins são os grandes responsáveis por filtrar o sangue. Neles, é feita a reabsorção de elementos necessários para o organismo e, ainda, a excreção daqueles que não são.

Portanto, a urina é formada a partir da filtração do sangue e percorre as vias urinárias até chegar à uretra. Esse caminho vai ser um pouco diferente entre homens e mulheres, principalmente no que diz respeito às estruturas próximas. Continue a leitura!

Entenda o que é polaciúria

Sem mais delongas, a polaciúria representa o aumento na frequência urinária. Neste momento, vale diferenciar da poliúria, que nada mais é que o aumento no volume de urina produzido.

Assim, a polaciúria pode não ter relação com a quantidade de urina, mas sim com um intervalo menor entre as micções. A infecção urinária é a causa mais frequente do problema, mas não é a única.

Nos homens, por exemplo, parte da uretra é “abraçada” pela próstata. Se essa glândula aumenta de tamanho, a uretra será “esmagada” e ficará mais estreita. Isso prejudica a passagem da urina e aumenta o número de idas ao banheiro.

Já nas mulheres, a gravidez pode provocar a polaciúria. Isso porque o útero se localiza bem próximo à bexiga. À medida que a gestação avança, a bexiga tende a ficar mais comprimida, o que também aumenta as idas ao banheiro.

Saiba como é feito o tratamento

O tratamento da polaciúria vai depender muito de qual é a causa. Vimos acima 3 motivos comuns e cada um deles vai requerer uma abordagem específica. No caso da gravidez, não há com o que se preocupar: após o nascimento, tudo voltará ao normal.

Já as infecções vão requerer tratamento, que deve ser individualizado para cada caso. De modo geral, é feito com antibióticos, mas a escolha do medicamento deve ser cautelosa, ou seja, é preciso avaliar fatores como frequência de infecções e outros sintomas.

Já no caso do aumento da próstata, é fundamental acompanhar com um médico. Só assim será possível identificar se é a chamada hiperplasia benigna do órgão ou se é uma condição mais complexa, que pode até exigir uma abordagem cirúrgica.

Veja profissionais que podem ajudar

Por último, você deve estar se perguntando onde procurar ajuda. De fato, considerando a variedade de causas, nem sempre fica claro qual especialista pode ajudar.

De modo geral, os casos mais simples podem ser manejados por um médico generalista. Porém, os nefrologistas e urologistas podem apresentar maior propriedade na condução de casos complexos. Na dúvida, procure seu médico de confiança e peça maiores orientações.

Agora que você sabe o que é polaciúria e as principais causas, não precisa se desesperar diante dessa manifestação. Claro, alguns casos vão requerer avaliação breve, mas de forma geral ela não representa uma emergência médica. O mais importante é identificar a causa e buscar medidas para resolução ou alívio dos sintomas. Ela pode ser a primeira manifestação de algo ainda silencioso, então procure avaliação médica!

Gostou do conteúdo? Curta nossa página no Facebook e fique por dentro de mais dicas de saúde!

Comentários

Você também pode gostar
-